A Cidade Maravilhosa será a musa inspiradora de Machado de Assis na 1ª edição do projeto Vivências Lúdico-Literárias, com a exposição “O Rio de Machado de Assis e Seus Melhores Poemas” que vai reunir imagens antigas do Rio de Janeiro associadas aos poemas do escritor, que declamam a beleza feminina retratada através das paisagens presente nas fotos.

A mostra realizada pelo Instituto Oldemburg entrará em cartaz no dia 24 de março, na Galeria de Arte e Literatura da Biblioteca Estação Leitura, localizada na estação Central do Metrô Rio. São 15 imagens do Rio antigo, de 1840 a 1910, cedidas pela Biblioteca Nacional. Com o objetivo de incentivar a leitura, o projeto distribuirá 220 livros “Os Melhores Poemas de Machado de Assis”.

A exposição contará ainda com o texto de abertura assinado pela professora Aline Reis, Mestre em Literatura Brasileira,uma visita guiada pela arte-educadora e atriz Krika Silva, que vai interpretar algumas poesias Machadianas no dia da abertura e sete oficinas de arte-educação, abertas ao público, durante a temporada.

Ao longo da temporada da exposição, também serão oferecidas na galeria sete oficinas de arte-educação, abertas ao público infanto-juvenil direcionadas às instituições sociais e educacionais. Além disso, durante as oficinas, serão distribuídos gratuitamente entre os visitantes da mostra e participantes das atividades 220 exemplares do livro “Os Melhores Poemas de Machado de Assis”.

Outras obras do escritor, como “Dom Casmurro”, “Quincas Borbas”, “Memórias Póstumas de Brás Cubas” e “O Allienista” estarão expostas na vitrine e disponíveis para empréstimo aos leitores cadastrados na Biblioteca Estação Leitura, localizada na Estação Central do MetrôRio.

Cristina Oldemburg, diretora do Instituto Oldemburg, ressalta a importância de levar à Central do Brasil, por onde passam diariamente mais de 100 mil pessoas, um dos autores mais relevantes do Brasil. “Além de maior nome da literatura nacional, Machado de Assis é uma ilustre figura carioca. Assim, reverenciá-lo é também reverenciar o Rio nos seus 450 anos. Esta será a primeira das três exposições do projeto Vivências Lúdico-Literárias, que homenageará ainda Rubens Braga e José Lins do Rego”.

Mais uma atividade cultural imperdível na Cidade Maravilhosa!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.