Em Búzios, uma enseada tranquila salpicada de barquinhos de pesca coloridos, com um cenário bucólico onde o casario colonial e a igreja de Sant’Ana, erguida em 1740, se destacam em meio ao azul do mar e o verde da mata preservada. O lado de modernidade fica por conta do Iate Clube de Búzios, no lado esquerdo da praia.

O nome da praia é devido a um centro de beneficiamento baleeiro que funcionava no local, deixando na praia uma grande quantidade de ossos.

Este é um dos nossos locais preferidos para um passeio pela manhã ou no final da tarde enquanto aguardamos o pôr do sol.

Siga pela Orla Bardot em direção à praia dos Ossos, passando pela igrejinha de Sant’Ana, de onde se tem uma bela vista da enseada e do Iate Clube. Continue seu passeio pela bucólica praia até o final onde terá acesso á trilha que leva às praias isoladas Azeda e Azedinha, dois paraísos entre encostas e mata dentro de uma Área de Proteção Ambiental.

O passeio dura menos de uma hora e você é presenteado com um dos cenários mais bonitos do balneário.

Se quiser, siga em direção à Rua das Pedras, no retorno, pois é outro cenário digno das melhores fotos.

A badalada Rua das Pedras fica a 15 minutos de caminhada, mas quem preferir pode pegar um dos táxis-barco que ficam estacionados prontos para levá-los a vários pontos.

Uma dica é se hospedar na Orla Bardot, pois assim você pode sair a qualquer hora para desfrutar desta praia e de toda orla buziana. Nesta última vez que estivemos em Búzios para o Festival Gastronômico, ficamos no Atlântico Búzios Resort, que tem saída para a Orla Bardot.

Na praia dos Ossos também tem uma boa oferta de pousadas e restaurantes de frutos do mar.

Leia tudo sobre Búzios e siga-nos também no Facebook e no Instagram.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.