Saindo de Peso da Régua, no norte de Portugal, nossa primeira parada foi na cidade de Lamego a 14 quilômetros de distância e que pertence ao distrito de Viseu.

Localizada na margem sul do rio Douro, Lamego é um dos mais importantes centros urbanos da região do Douro. É, também, uma importante cidade histórica, possuindo uma forte herança cultural e grande quantidade de monumentos, igrejas, casas brasonadas, pontes e construções medievais, além de inúmeros vestígios de ocupação primitivas destas terras. Lamego é também uma diocese portuguesa.

Antiga ocupação romana, Lamego foi, também, conquistada, em 1089, aos Mouros por Fernando Magno de Leão. Em Lamego teriam corrido as lendárias “Cortes de Lamego”, onde D. Afonso Henriques teria sido aclamado Rei de Portugal e onde também se teriam estabelecido as “Regras de Sucessão ao Trono”.

Nossa visita tinha como principal objetivo conhecer o Santuário de Nossa Senhora dos Remédios construído no século XVIII, no monte de Santo Estevão, e sua fabulosa escadaria que ergue-se desde o centro da cidade até o alto do monte. O conjunto é o cartão postal de Lamego!

Entretanto descobrimos que a cidade guarda uma série de monumentos históricos imperdíveis!

Depois da visita ao Santuário de Nossa Sra. dos Remédios, seguimos para conhecer outras atrações de Lamego:

No centro da cidade, chama atenção a bela Sé de Lamego ou Catedral de Lamego, fundada em 1129. O edifício, reconstruído várias vezes, combina, atualmente, uma variedade de estilos que a tornam um dos mais belos monumentos da região.

Caminhamos pelo Centro Histórico, onde, além da catedral, vários outros monumentos fabulosos se encontram.

O Museu de Lamego fica no edifício histórico do antigo Paço Episcopal, no Largo Camões e abriga entre outros tesouros, 18 peças de valor inestimável, entre as quais o antigo retábulo da Sé, tapeçarias flamengas, painéis de azulejos do século XVII e uma arca tumular do século XVI.

Seguimos para o Castelo de Lamego que fica no alto de uma colina, visto de toda a cidade. Quase todos os autores referem-se como uma obra moura. Do castelo original, só restam a torre de mensagem, do século XII; parte da velha muralha e a cisterna, que são do século XIII. No momento de nossa visita, a cisterna estava fechada e não pudemos conhecer.

Para chegar ao castelo, segue-se pela cidadela amuralhada que é super bem preservada.

A vista do castelo é fantástica, com vista de 360 graus da cidade e das colinas com plantações de vinhas!

A subida é bem íngreme, mas a vista…

Como só tínhamos algumas horas para visitar a cidade, não foi possível conhecer tudo. Entretanto, Lamego tem muitos monumentos, como disse acima, que merecem ser visitados:

A Igreja de Santa Maria de Almacave, hoje Monumento Nacional, foi o local onde se realizaram as primeiras cortes do reino, em 1143 e vale muito a pena fazer uma visita ao interior da igreja para ver o púlpito seiscentista e as esculturas de São José e de Santo António, em madeira do século XVIII.

A Igreja de São Pedro de Balsemão, Monumento Nacional, é a segunda igreja mais antiga da Península Ibérica e é, possivelmente, de origem visigótica.

Na da cidade gastronomia pode-se destacar os presuntos, o cabrito assado com arroz no forno, as bôlas de presunto, as trutas com presunto, além dos doces como a tarte de Lamego, as gradinhas, celestes e os peixinhos de chila, esses três últimos feitos pelas freiras do antigo Convento das Chagas. A produção de vinho do Porto, brancos e tintos de mesa, além e de espumantes é outro destaque, não só da gastronomia, mas também da economia local.

Não deixe de experimentar as bôlas de presunto, um tipo de folar salgado!

Entre 26 de agosto e 08 de setembro acontecem as comemorações à Nossa Sra. dos Remédios com a romaria anual.

Lamego é, sem dúvida, uma parada obrigatória!!!

Sua Viagem começa aqui! Planeje conosco!!!

Reserve seu hotel em Lamego no Booking

Faça seu Seguro Viagem com a Real Seguro Viagem

Alugue seu carro em Portugal com a Rentalcars

Compre passeios e excursões com Ticketbar

 

Gostou desse artigo? Então leia outras postagens publicadas sobre Portugal.

Siga o Cruzando Mundo no Instagram, no Twitter e curta a nossa fanpage no Facebook

◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊

Ao reservar seu hotel pelos links dos posts, pelos banners do site Booking.com ou clicando aqui, o blog recebe uma pequena comissão, o que nos ajuda a mantê-lo atualizado e você não paga nada mais por isso.

◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊◊

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.