Verona costuma entrar nos roteiros como uma cidade para “bate e volta”, e nós fizemos mais ou menos isso. A caminho de Florença, depois de passarmos dias incríveis em Veneza, passamos o dia em Verona. Saímos de lá com uma terrível sensação de frustração por não termos incluído, pelo menos, uma noite na cidade imortalizada pelo amor de Julieta Capuleto e Romeu Montecchio.

O rio Ádige, que corta a cidade.

O rio Ádige, que corta a cidade.

Localizada no nordeste da Itália, no coração do Vêneto e cortada pelo rio Ádige, Verona fica a pouco mais de uma hora de Veneza, cerca de uma hora e meia de Milão, 40 minutos, aproximadamente, de Vicenza e a menos de 20 minutos do Lago di Garda, o maior do país.

A cidade, que parece ter sido fundada pelos Celtas e que mais tarde se tornou uma colônia romana, no ano 89, com o nome de Augusta, foi declarada patrimônio da humanidade pela UNESCO por causa da sua estrutura urbana, arquitetura e fortificações. Verona é a segunda cidade mais romana da Itália, com a maior quantidade de ruínas depois de Roma.

As ruínas remanescentes do Império Romano estão por toda parte.

As ruínas remanescentes do Império Romano estão por toda parte.

No período romano Verona gozou de importância e prosperidade e atualmente os vestígios daquele momento glorioso nos cercam por toda cidade, fazendo-nos viajar na sua história. Exemplos belíssimos desse período e que não podem deixar de ser visitados são a Arena, o Teatro Romano, a Porta Borsari e o Arco dei Gavi.

Arena de Verona

Arena de Verona

Teatro Romano

Teatro Romano

Porta Borsari

Porta Borsari

L'Arco dei Gavi

L’Arco dei Gavi

Após a queda do Império Romano, a cidade conheceu outros períodos importantes, principalmente entre os séculos XII e XIV, e desta fase ela apresenta alguns dos seus mais importantes monumentos: as igrejas de São Zeno Maggiore, de Santa Anastasia, o Castelvecchio e as Arche Scaligere.

De 1404 a 1796, Verona ficou sob a administração veneziana e foi fortificada com muralhas de defesa.

Muralha de defesa

Atualmente a cidade é um imenso caleidoscópio rico em cores que vão do vermelho intenso, passando pelos tons de terra até o ocre e o bege. Ruazinhas pitorescas e praças medievais convidam para um passeio calmo e sem rumo para que se possa admirar o casario colorido, as sacadas com ferragens e janelas belíssimas, muitas floridas no verão.

Verona também tem uma intensa vida cultural: mostras periódicas e sempre de alto nível na sede da Galleria Moderna no Palácio Forti, o festival lírico de verão na Arena, a estação musical do Teatro Filarmônico, espetáculos no Teatro Romano e o Museu do Castelvechio.

Palácio Forti - sede da Galleria de Arte Moderna

Palácio Forti – sede da Galleria de Arte Moderna

Ao chegarmos à cidade logo percebemos que um dia seria pouco para conhecermos e curtimos tudo o que Verona oferece. O impacto começou quando passávamos por várias ruínas romanas ao longo das ruas em direção ao centro histórico, que já na sua entrada nos recepciona com a deslumbrante Ponte Pietra.

Ponte Pietra

Ponte Pietra

Conforme caminhávamos pelo centro histórico ficávamos encantados com as praças, construções e palácios.

Fontana de Madonna Verona, construída em 1368 por Cansignorio della Scala

Fontana de Madonna Verona, construída em 1368 por Cansignorio della Scala

Piazza delle Erbe

Piazza delle Erbe

Na Piazza delle Erbe, a coluna de Veneza e o Palazzo Mafei

Na Piazza delle Erbe, a coluna de Veneza e o Palazzo Mafei

Detalhe da coluna de Veneza com o Leão de São Marco e o Palazzo Mafei

Detalhe da coluna de Veneza com o Leão de São Marco e o Palazzo Mafei

La "tribuna" na Piazza delle Erbe

La “tribuna” na Piazza delle Erbe

Piazza dei Signori, onde estão importantes construções históricas e a estátua de Dante Alighieri

Piazza dei Signori, onde estão importantes construções históricas e a estátua de Dante Alighieri

Pontes, palácios e ruas primorosas repletas de cafés, restaurantes, bares, gelaterias, um comércio atraente com enotecas com os melhores vinhos da região, lojas de produtos gastronômicos e grifes famosas – tudo a poucos passos no Centro Histórico.

Ao passar pelo Arco della Costa chega-se à bonita Piazza dei Signori, ou Piazza Dante Alighieri

Ao passar pelo Arco della Costa chega-se à bonita Piazza dei Signori, ou Piazza Dante Alighieri

As belas sacadas que enfeitam as ruas de Verona

As belas sacadas que enfeitam as ruas de Verona

Via Giuseppe Mazzini ou Via Mazzini, o endereço para as compras

Via Giuseppe Mazzini ou Via Mazzini, o endereço para as compras

Os incríveis arcos de Verona estão por toda parte

Os incríveis arcos de Verona estão por toda parte

A aura romântica da história de Romeu e Julieta está por toda Verona, mas aumenta exponencialmente quando se chega a casa onde viveu a protagonista da história de amor imortalizada por Shakespeare. O ponto alto da visita é o balcão de Julieta!

Casa de Julieta

Casa de Julieta

Balcão e estátua de Julieta

Balcão e estátua de Julieta

Saímos de Verona com a certeza de que em nossa próxima visita faremos uma base na cidade para explorarmos também as belezas e sabores do interior do Vêneto.

Não por acaso Verona é a quarta cidade mais visitada da Itália, depois de Roma, Veneza e Florença, e no verão, ocasião em que estivemos lá, fica especialmente animada. A cidade é bastante visitada pelos próprios italianos, mas sem superlotar como Veneza, e é sem dúvida,  um dos destinos mais recomendáveis da região do Vêneto.

Como Chegar

O Aeroporto de Verona, Villafranca, tem voos para diversas cidades italianas e outros países europeus. Está a 12 quilômetros da cidade, um trajeto que pode ser coberto de ônibus, por 5 euros.

Outra opção é o aeroporto de Brescia, que está conectado a Verona por trem.

O trem é a melhor opção para se chegar desde outras cidades.

As estradas italianas são fabulosas e se você quiser explorar a região do Vêneto, o aluguel de um carro é a melhor pedida.

Conheça mais e veja nossas dicas em outros postes sobre essa deliciosa e romântica cidade italiana que nos deixou com gostinho de quero mais clicando aqui!

Gostou desse artigo? Então leia outras postagens publicadas sobre Itália.

Siga o Cruzando Mundo no Instagram, no Twitter e curta a nossa fanpage no Facebook

 

Reserve já seu hotel em Verona pelo Booking.com, nosso parceiro e um dos maiores sites de reserva on line! Você não paga nada a mais e faz sua reserva com rapidez e segurança!

Não viaje sem fazer seguro!!!

 

Seguro viagem brasil 728x90

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.