Essas ferramentas podem ajudar o turista na hora de montar qualquer roteiro, principalmente para destinos exóticos

 

Há muitos tipos de aplicativos para ajudar os viajantes a terem uma experiência ainda melhor durante a viagem e evitar qualquer tipo de imprevisto, como mapas, traduções, conversão de câmbio e redes de transporte público. São informações úteis e práticas para melhorar a comunicação com pessoas locais, facilitar na hora das contas e evitar que o turista se perca nas ruas da cidade. Cada vez mais comuns estão também aplicativos de destinos turísticos e hotéis, alguns oficiais e outros criados por profissionais da área, com suas próprias dicas e sugestões. As informações disponibilizadas ajudam as pessoas a se preparar para as viagens, verificar tudo o que é possível fazer no destino e escolher aquilo que mais se adapta ao perfil da viagem, sejam elas romântica, com a família, amigos, aventureiros, etc.

De acordo com Gisele Abrahão, diretora da GVA, empresa de marketing e comunicação especializada em destinos internacionais, “quando pensamos em destinos mais exóticos, os aplicativos são cada vez mais um aliado para os viajantes na hora de se preparar para uma viagem. Por serem países ou cidades menos conhecidos, as pessoas ainda não sabem quantas atrações incríveis elas podem conhecer ali, quais os principais pontos turísticos ou mesmo os charmes escondidos de cada lugar, como se locomover, que tipos de atividades pode fazer ou os eventos que vão ocorrer na época da viagem. É uma ótima forma de planejar a viagem de acordo com o que a pessoa gosta ou se interessa mais, garantindo que a experiência será personalizada e inesquecível”.

Há várias vantagens na hora de baixar um aplicativo, como serem muito dinâmicos e atualizados constantemente, evitando que a pessoa chegue a um restaurante que já foi fechado há algum tempo, por exemplo. O viajante também não precisa mais carregar guias de viagens pesados na mala ou abrir mapas no meio da rua tentando se localizar. Outra vantagem dos aplicativos é que muitos deles funcionam offline. Caso o turista não consiga acessar a internet, poderá checar o itinerário planejado, mapas e informações turísticas da mesma forma. Além dos aplicativos mais gerais, ainda há aqueles voltados para nichos e atividades bem mais específicas, por exemplo, caça à Aurora Boreal ou guias de onde achar um quitute tradicional da região.

Veja abaixo uma lista de aplicativos gratuitos de destinos e hotéis para ajudar a planejar a viagem:

DINAMARCA

A Dinamarca oferece inúmeras possibilidades ao turista. Para poder explorar todas essas particularidades, nada melhor do que baixar um aplicativo específico, que atenda aos seus interesses. Para os apaixonados por gastronomia, que querem saber absolutamente tudo sobre o smørrebrød (tradicional sanduíche dinamarquês), desde sua história até os melhores lugares para degustá-lo, a dica é o aplicativo Smorrebrod from Copenhagen, disponível para iOS. Já o público LGBT pode explorar tudo que Copenhague tem de melhor a oferecer com as informações do Gay CPH, que oferece um guia completo de estabelecimentos e eventos do universo gay (disponível para Android e iOS).

NORUEGA

Oslo foi a primeira cidade a desenvolver um city pass em formato de aplicativo. Adquirindo o Oslo Pass, o turista garante a entrada em museus, transporte público e ainda ganha descontos em diversas atrações. O aplicativo está disponível para Android e iOS. Já para os aventreiros, que querem ir além da capital, o Visit Norway lançou o Norway Lights, aplicativo que promete aumentar as chances de conseguir vislumbrar a incrível aurora boreal, oferecendo uma previsão do tempo específica para o fenômeno. Ele está disponível para Android, iOS e Windows.

MÔNACO

O Metropole Monte-Carlo, hotel 5 estrelas localizado no coração do Principado de Mônaco, acaba de lançar seu aplicativo gratuito, disponível para dispositivos Android e iOS. Além de informações sobre o hotel, seu spa, quartos e espaços abertos ao público, os hóspedes também encontram indicações de restaurantes, bares, baladas, museus, boutiques e principais atrações do país. O aplicativo também informa a localização de farmácias, correio, mercados, casas de câmbio, padarias e outros locais úteis, e disponibiliza um mapa que pode ser utilizado offline.

BARBADOS

O “Guia de Viagem de Barbados” traz informações em português sobre hotéis, dicas de atrações, restaurantes, aluguel de carros, compras e eventos. Ele também possibilita criar itinerários na ilha caribenha para cada dia da viagem, oferece um conversor de moedas, que faz a conversão de forma prática e simples entre o real e o dólar barbadiano e possui a função “Mapa”, onde é possível visualizar todos os pontos turísticos da ilha e pode ser consultado offline. Outra ferramenta é a possibilidade de criar um diário fotográfico, organizando os lugares que já foram visitados e sabendo exatamente onde cada foto foi tirada. O aplicativo está disponível para iPhone ou aparelhos Android.

SEYCHELLES

O “Seychelles E-Travel Guide” fala sobre as principais ilhas do arquipélago paradisíaco, que conta com 115 no total, principais eventos, atrações e atividades que os turistas podem conhecer e praticar no país e até mesmo um tour virtual. O aplicativo está disponível paraiPhone a aparelhos Android.

Fonte: Global Vision Access

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.